Prêmio Caio

Detalhe do Case

Prêmio Caio 20ª Edição

Case: Casa Selvagem

.

Candidato: Agência Mak
Cliente: Arbor / Catuaba Selvagem
Segmento: Eventos
Estado:

Mak Live Marketing
Fundada em 2009, a MAK é uma agência especializada em ativação de marcas, produtos e serviços. A empresa surgiu com o objetivo de criar um link com o consumidor por meio de um Brand Experience diferenciado. Com o slogan “criando experiência e gerando identidade”, a agência é focada na construção de  marcas a partir do live marketing e em seu portfólio apresenta a assinatura de grandes projetos de  multinacionais como  Ambev, Samsung, Pernod Ricard, L’Oréal e Mondelez, Grand Cru entre outras.

 Especializada em planejamento, comunicação e execução de eventos corporativos, a MAK vive a mudança de forma intensa e constante, sempre atualizando sua expertise de mercado, recriando possibilidade de fazer o novo e o inusitado, buscando sempre  impactar de forma positiva em suas ações, gerando crescimento e valor, através do sucesso em buscar referência internacional em ativações e lançamentos de produtos e serviços.  Entre suas atividades no mercado estão: Ativações, Convenções, Sampling & Trial, Materiais promocionais e Tailor Made, pesquisa, OOH e Digital.
 
Marca: Arbor Brasil
Produto: Casa Selvagem
Há mais de 40 anos a famí­lia Rodrigues atua no mercado nacional de vinhos e derivados com marcas lí­deres em suas categorias. A viní­cola do grupo, instalada em Flores da Cunha (RS), tornou-se uma das três maiores beneficiadoras de uvas do Paí­s.

A aproximação dos produtores de uvas da Serra Gaúcha, despertou o interesse pela diversificação do portfólio e pela entrada no mercado de produtos naturais, dando origem à ARBOR BRASIL, empresa que já nasce com uma longa tradição em bebidas e que inicia sua incursão neste maravilhoso mundo da fruticultura, integrando unidades de extração de polpa às suas plantas industriais. Entre essas bebidas está nosso produto a Catuaba Selvagem que é um mix de ervas amazônicas.

Com virtudes descobertas pelos índios Tupi-Guarani há mais de 500 anos e transmitidas através de gerações. Das cascas e raízes da Catuaba e das Sementes do Guaraná e Açaí, obtemos extratos com propriedades únicos que, utilizados na receita especial da Selvagem, proporcionam um sabor de incomparável prazer.

Vídeo

O desafio principal passado pela cliente foi a criação de um espaço tematizado Catuaba Selvagem em São Paulo, durante o período de pré e pós carnaval. Com esse desafio em mãos transformamos o produto em um espaço tangível da Catuaba Selvagem com seu público, reforçando os valores de inclusão e diversidade que são a bandeira da marca, apresentando um mix de sensações possíveis com o produto reforçando o “share of mind” da marca. Buscamos entender quem era o público, sua faixa etária, aonde frequentavam, quais gostos e estilos musicais preferidos.

Com todas as informações em mãos, criamos a CASA SELVAGEM, um bar baseado no produto Catuaba Selvagem, um espaço onde os clientes puderam vivenciar toda a energia Selvagem da Catuaba, ao som de grandes atrações como o global Daniel Del Sarto, Karen K, Mari Salvaterra (ex-blitz), Juquinha e djs como Adam Klein e Lud Prado. No bar era possível encontrar uma grande variedade de drinks que tem como base a Catuaba Selvagem.



Outro desafio encontrado foi comunicar sobre a Casa Selvagem, para torná-la reconhecida e gerar reverberação espontânea através de postagens dos clientes nas redes sociais. Para isso, sabíamos que a cenografia devia ser impactante e estar presente em cada canto da casa, atrelando o produto Catuaba Selvagem em todos os elementos de comunicação.

 

Para a repaginação do bar e adequação para o produto Catuaba Selvagem, unimos a equipe de criação, 3D, produção e cenografia para chegarmos em soluções que criassem a identidade de Selvagem ao local, sem que fossem necessárias grandes alterações na estruturação do bar. Trouxemos as folhagens (muito usadas na comunicação da marca) e aproveitamos uma árvore que já existia no local para a criação de uma “árvore de catuaba” onde os “frutos” eram as próprias garrafas com lâmpadas, servindo para ambientação e iluminação. A princípio, o que poderia ser um empecilho, acabou se tornando um instrumento cenográfico já que a marca retrata a natureza em toda a sua comunicação.        

Um dos grandes focos foi a reverberação nas mídias, então apostamos em espaços não só temáticos, mas instagramáveis. Maximizamos as possibilidades e usamos todo o espaço, tornando a Casa Selvagem um ambiente completamente favorável para fotos. Com o acompanhamento da equipe de relações públicas que lançaram notas antes, durante e depois do evento em meios de comunicação de massa, ampliamos o alcance da nossa campanha. Por ser tratar de uma região repleta de bares e muito agitada durante o período de carnaval, utilizamos nossos promoters com figurinos inspirados no casal Selvagem, presente no rótulo do produto, para entregar panfletos em forma de vale drink.

Como KPI, usamos a rotação do público dentro da casa e também  as reverberações de mídias como matérias, publicações entre outros. Por se tratar de uma ação de live marketing, optamos por divulgar a Casa Selvagem, primeira flagship da bebida Catuaba Selvagem. Como estratégia de divulgação da assessoria de imprensa para a Casa Selvagem.

 

Produzimos diferentes formatos de releases e notas de acordo com o perfil de cada veículo, objetivando maior sucesso na divulgação. Sugerimos a pauta de forma personalizada para Meio & Mensagem, e todos os outros veículos de publicidade e marketing, além dos principais veículos de programação, como: Folha de São Paulo, Estadão, Veja São Paulo, entre outros. Enviamos a pauta para um mailing de mais de 2 mil contatos, incluindo lifestyle, social, programação, gastronomia, bares, entre outros. Outro meio foram as mídias espontâneas como postagens no Instagram dos clientes e até influencers que compartilharam sua passagem pelo local.



Mais de 500 milhões de visualizações, 

gerando um valor de mídia de aproximadamente R$ 500.000 reais.

Número de participantes: 5.560 pessoas.

Público impactado através da mídia: +150K

Alcance digital: +90M

Assessoria de imprensa: 22 clippings (Folha de São Paulo, Estadão, Veja SP, Oba Oba,

Meio Mensagem, etc).