Prêmio Caio

Detalhe do Case

Prêmio Caio 20ª Edição

Case: Verdejando 2018

Plantio no Parque Praia Sol na Zona Sul de São Paulo

Candidato: Globo
Cliente: Globo
Segmento: Prêmio Caio Sustentabilidade
Estado:

A Globo é a maior produtora de conteúdo da América Latina e líder de audiência em todas as telas – 100 milhões de pessoas assistem conteúdo da Globo todos os dias.

Hoje, alcançamos 99,6% dos lares brasileiros. Estamos presentes em quase todo o território nacional, com 122 emissoras – incluindo 5 emissoras Globo e 117 afiliadas –, e em mais de 190 países. Anualmente, produzimos cerca de 3 mil horas de conteúdo de entretenimento e 3 mil horas de jornalismo.

Em suas operações, a Globo desenvolve uma cultura de sustentabilidade, atendendo aos requisitos legais, elaborando políticas, monitorando processos e volumes e apoiando a implantação de ações que mitiguem os impactos ambientais de nossas operações.

Dentre essas, merecem destaque a implantação do sistema de gestão ambiental nos Estúdios Globo, como redução de consumo de água (com uso de águas não nobres e de reuso na lavagem de espaços e regas de plantas), cogeração de energia (41% na energia utilizada nos Estúdios Globo), tratamento de efluentes (100% tratado e 54% utilizado no sistema de refrigeração), gerenciamento de 17 mil toneladas de resíduos com destinação 100% adequada e autorizada pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e reciclagem de quase 30 toneladas de plástico oriundo de nossas operações (o equivalente a 28 carros populares).

Vídeo

Galeria de Fotos

Faz parte da estratégia de comunicação da Globo realizar e apoiar iniciativas presenciais para aproximar a marca do público, estabelecer um diálogo fora das telas e ampliar o relacionamento que as pessoas têm com a emissora.

No Verdejando, o jornalismo da Globo conversa com a população, entrevista especialistas e mostra caminhos para o tema do verde e Meio Ambiente nas cidades. Durante a série, as reportagens são exibidas nos jornais locais e publicadas no G1, diariamente, incentivando o debate e a participação de todos.

Mas é o engajamento da população que torna a iniciativa tão relevante. Em diversos pontos da cidade, realizamos ações presenciais em que as pessoas colocam as mãos na terra e tornam-se protagonistas da causa.

Com o envolvimento da comunidade e apoio do poder público, já realizamos dezenas de mutirões de plantio em praças, parques, canteiros e calçadas. Além de plantar, recuperamos espaços degradados, promovendo a limpeza, pintando muros e cortando a grama. Assim, cada pedacinho da cidade, além de mais verde, fica mais bonito.

Junto aos mutirões, promovemos dias de atividades gratuitas para a população, com apresentações culturais (de artistas da própria comunidade), oficinas e distribuição de mudas.

Nas oficinas, ensinamos técnicas de plantio, hortas domésticas, compostagem, entre outras. Depois das aulas, os participantes recebem mudas de plantas ornamentais, hortaliças ou ervas aromáticas.

Convidamos o público com filmes na TV e posts nas redes sociais, avisando sobre os mutirões de plantio e os dias de atividades em cada bairro. A comunidade comparece em peso: as pessoas ajudam a plantar as árvores, colocam adubo e regam as plantas.

O público colabora, também, enviando fotos e vídeos do verde em suas vidas para o nosso jornalismo. Os conteúdos são exibidos, ao vivo, nos jornais locais.  

Em 2018, o Verdejando chegou à 6ª edição firme em seu propósito de conscientizar, mobilizar e incentivar a reflexão das pessoas sobre a importância do verde. Expandindo sua atuação para outras cidades do Brasil, pela primeira vez a iniciativa aconteceu simultaneamente em São Paulo, Pernambuco, Distrito Federal e Minas Gerais, que juntos trouxeram a importância do verde em seus jornais locais e nas ações presenciais pelas ruas das cidades, trazendo temáticas como permeabilidade do solo, jardins de chuva, ilhas de calor e proteção de áreas de mananciais.

Em São Paulo, a edição abordou a relação direta entre a água e a preservação do verde, além de informar sobre o aquecimento da cidade e as consequências deste processo, percebidas em verões cada vez mais quentes com chuvas muito intensas. Para isso, propôs a criação de um jardim de chuva com plantas ornamentais e árvores para amenizar o problema de enchente no Beco do Batman, ponto turístico da Vila Madalena famoso pelos seus grafites. Outro destaque foi a criação de uma “aquatória” em Carapicuíba, a partir de uma nascente que desaguava na sarjeta. O espaço se tornou ainda uma área de socialização da comunidade local.

 

A cidade de Brasília após uma das crises hídricas mais severas da história do Distrito Federal, apresentou por meio de rodas de conversa e mutirões de plantio na Floresta Nacional de Brasília (Flona), a importância do verde na recuperação dos mananciais e as principais características do cerrado. Já Belo Horizonte e Recife, semearam ações para conscientizar a população sobre a importância de cuidar da natureza e conservá-la pensando nas próximas gerações.

 

Galeria de Fotos

Para chamar a atenção, conscientizar a população, promover o diálogo e ações efetivas sobre esse tema, a Globo criou o Verdejando. Iniciativa que ajuda a mobilizar a sociedade civil e o poder público, incentivando o plantio e a conservação do verde na cidade.





O Verdejando nasceu em 2013, como uma série de reportagens especiais, produzidas pelo jornalismo da Globo em São Paulo e que em 2018, se expandiu às cidades de Brasília, Recife e Belo Horizonte.





Além do conteúdo jornalístico, a Globo uniu o papel que ações de live marketing têm para o sucesso de suas iniciativas. Fomos para as ruas, praças e parques para realizar atividades práticas, como o plantio de árvores. A população compareceu e participou.





O sucesso do Verdejando é resultado do alcance e da mobilização do jornalismo da Globo, aliado à proximidade do live marketing. A TV e a internet despertam o interesse da população, enquanto as ações presenciais possibilitam o engajamento efetivo das pessoas na causa.





























 

Galeria de Fotos

Em 2018 realizamos 16 ações presenciais nas quatro cidades, com a participação de mais de 7 mil pessoas e mais de 2 mil árvores plantadas.



Foram 48 reportagens e 30 entradas ao vivo nos nossos jornais locais, alcançando milhões de pessoas. Os números consolidados das seis edições do Verdejando são ainda mais significativos: 60 mutirões de plantio e dias de atividades, nos quais plantamos mais de 6,5 mil árvores, nas regiões metropolitanas de São Paulo, Recife, Brasília e Belo Horizonte.



Desde 2013, mais de 97 mil pessoas participaram dessas ações, em que distribuímos, gratuitamente, quase 75 mil mudas de plantas. No ar, foram 336 reportagens e 130 entradas ao vivo, superando 22 horas de conteúdo jornalístico.



Mais do que plantar árvores, ajudamos a humanizar ruas, avenidas, praças e parques. Contribuímos para diminuir a poluição ambiental e sonora. Levamos sombra para lugares áridos e conforto térmico para quem frequenta esses locais.



Demos oportunidade para as pessoas interagirem com a terra, as árvores e as plantas. O resultado foi a percepção da diferença que o verde pode fazer na vida.

Galeria de Fotos