Prêmio Caio

Detalhe do Case

Prêmio Caio 20ª Edição

Case: Westrock DVD Fernando & Sorocaba

Candidato: F/Malta
Cliente: WestRock Celulose
Segmento: Eventos
Estado:

A Agência F/Malta cria ações inovadoras, eventos marcantes e campanhas memoráveis. Nosso objetivo é fazer com que os clientes sintam a emoção em cada proposta, em cada job, com uma entrega que conte a melhor história para nossos clientes e para os clientes deles. Nossa criatividade tem que brincar o tempo todo, e Einstein chama isso de inteligência, por isso nosso slogan: “Let’s Play”. Porque com atitude brincante, rompemos os padrões do mercado, com força, leveza e criatividade, vamos além, em tudo o que criamos.
A WestRock é uma empresa parceira de seus clientes e fornece soluções únicas em papel e embalagens de papelão que impulsionem seus negócios de forma sustentável. São 45 mil funcionários que apoiam os clientes ao redor do mundo em mais de 300 operações e escritórios na América do Norte, América do Sul, Europa e Ásia-Pacífico, colaborando para que o nosso planeta seja um lugar melhor para nós e para as futuras gerações. No Brasil, a empresa conta com cerca 2,3 mil funcionários, atuando em uma fábrica de papel e quatro de embalagens em papelão e em mais de 54 mil hectares de florestas certificadas, sendo 21 mil em árvores nativas.
 

Galeria de Fotos

Como o papel da WestRock no mundo também é cuidar do meio ambiente, afinal sua principal matéria-prima vem da floresta, é natural que a empresa tenha interesse em participar de parcerias em projetos que tenham como pegada a proteção da natureza. Até porque, o tema conscientização e defesa do meio ambiente está no DNA da companhia. Sua atuação no Brasil e no mundo é pautada em três pilares básicos: Pessoas, cuidar da nossa gente; Planeta, proteger nossa natureza; e Performance, ser economicamente viável e sustentável. Como esses três pilares permeiam todas as iniciativas da WestRock, a F/Malta enxergou no patrocínio da turnê do álbum “O Chamado da Floresta”, da dupla sertaneja Fernando e Sorocaba uma oportunidade de agregar à marca uma proposta artística atual, que aborda a relação do homem com a natureza e o conceito de sustentabilidade.

O projeto “O Chamado da Floresta” não se resumiu em falar somente de sustentabilidade e tecnologia. A produção do DVD, por exemplo, uma das fases do trabalho, foi pensada para que gerasse o menor impacto ambiental possível, desde a confecção do convite, passando pela reciclagem do lixo gerado, até o uso de materiais reutilizáveis no cenário. E mais, toda a equipe participou de palestras de conscientização sobre o meio ambiente, e os fãs também foram ferramentas fundamentais para a difusão dessa ideia. Aprovada a parceria com a dupla, a equipe da F/Malta partiu para execução da primeira etapa do projeto: a gravação do DVD. A escolha de uma floresta para montar o palco do show de gravação do DVD foi o cenário perfeito, misturando música com a natureza, numa troca de energia que conectava as pessoas ao conceito e a forma lúdica e emocional de estar em meio a natureza. O resultado foi o cenário de gravação se comportando como um organismo vivo, proporcionando às pessoas uma experiência de imersão e, consequentemente, reflexão. Uma instalação artística que mesclou elementos da floresta à tecnologia. Uma árvore remanescente foi transformada e integrada ao cenário como se fosse uma plantação tecnológica, com clones de eucalipto. Com uma iluminação inteligente que interagia com a floresta, a árvore estilizada ganhou um espelho d’água em sua volta, contribuindo para uma narrativa de respeito à geometria dos elementos da natureza. O palco, projetado por Ludmila Machado, ficou integrado ao cenário original do projeto. As gravações do show aconteceram no dia 17 de julho de 2018.

Para os convidados, foi montado uma espécie de lounge mobiliário, com cada peça pensada de forma a expressar o respeito e o amor que a WestRock tem pelas suas florestas. Os móveis foram construídos como se fossem a representação de uma árvore, tendo como miolo o produto final (papelão ondulado) protegido pela matéria-prima (madeira). Todas as peças utilizaram o mesmo elemento, o papelão, principal produto da WestRock e responsável por todo o contato humano. A padronagem do ondulado foi explorada de formas variadas, conferindo ao papelão seu merecido destaque, além de um visual muito característico dos móveis que utilizam o material. Os cortes foram estudados de forma a oferecer conforto e segurança. Já o design, inspirado na natureza, transmite um aspecto mais orgânico em seus cortes. Apesar do peso físico devido à blocagem do papelão, seu visual ficou leve, harmônico e ao mesmo tempo imponente como uma árvore. Atribuindo mais personalidade e exclusividade, a marca WestRock é percebida através de cortes e pequenos detalhes que assinam cada peça. A montagem dos móveis foi feita por meio de encaixes com pressão, evitando o uso de colas, pregos, parafusos e outras formas de fixação, mantendo apenas o papelão.

Também foi pensada uma forma de engajar o público nesta ação e fazer tudo ecologicamente correto. Para isso, foi disponibilizada uma Calculadora de Emissões on-line, onde todos que chegavam ao local de gravação preenchiam, no momento do check-in, na calculadora, o meio de transporte que utilizaram para chegar ao local e quantas pessoas vieram juntas. Ao longo do evento cerca de 200 pessoas reportaram seus dados, totalizando mais de 30 mil quilômetros rodados em diferentes modais, como carros, ônibus e bicicleta. Já a WestRock entrou com o projeto de coleta seletiva de lixo, utilização de biodiesel nos geradores e reaproveitamento de todos os materiais utilizados durante o evento. Todo o lixo coletado em 100 lixeiras espalhadas pelo local foi reciclado. A ideia era de implantar o máximo possível de práticas sustentáveis para que toda a produção fosse realizada de forma ecológica e correta e atendesse a um público de 600 pessoas.

Ao final do show de gravação do DVD de Fernando e Sorocaba foram neutralizados 9.477 KG de CO2, por meio do plantio de 58 árvores nativas da Mata Atlântica. Essa compensação das emissões do evento foi feita em abril de 2019, com a presença da dupla sertaneja, e certificada pela consultoria em sustentabilidade Eccaplan.

Um evento exclusivo para influencers e jornalistas marcou a segundo fase do projeto. Desta vez, a apresentação oficial do álbum “O Chamado da Floresta” foi para as mídias digitais - Deezer, Spotfy, Youtube. O evento contou com pocket show da dupla Fernando e Sorocaba e queima de fogos no horário oficial do lançamento, 22h00. Para receber os convidados, a WestRock, como patrocinadora master, montou um lounge com mobiliário e cenografia em papelão na residência de um dos cantores, na região dos Jardins, em São Paulo. O palco ganhou uma parede tridimensional, construída com caixas de papelão, e o lounge, montado no deck da piscina da casa, poltronas e banquinhos, almofadas e luminárias, todos com design em papelão ondulado, além de um painel cenográfico adesivado, tendo como matéria-prima caixas de papelão.

Para fechar o projeto de patrocínio da dupla sertaneja, o dia 9 de março de 2019, foi a data escolhida para o show de lançamento da turnê 2019 “O Chamado da Floresta”, no Credicard Hall, em São Paulo. Envolvida em todas as fases da parceria, a WestRock preparou várias iniciativas para o evento se tornar inesquecível para o seu público alvo. Convidou seus principais clientes para o evento, em espaço exclusivo e propício a relacionamento e loyalty (fidelização), em um camarote-suíte, com capacidade para 22 pessoas; Entregou a esses convidados canecas de alumínio com uma mensagem call-to-action, estimulando a redução no consumo de plástico; realizou, em conjunto com a FS Produções Artísticas, o cálculo de emissão de CO2 de todo o show (convidados, artistas, staff, equipamentos) e fez a neutralização dessas emissões - via plantio de árvores nas florestas da companhia em Três Barras, no interior catarinense, em conformidade com o protocolo de Kyoto. A mediação da emissão de CO2 foi feita utilizando tablets antes do show por profissionais uniformizados da WestRock. Só nessa ação foram impactadas mais de 480 pessoas.

A parceria com Fernando e Sorocaba em seu novo álbum, #MeuPapelNoMundo, veio ao encontro de tudo o que a WestRock sempre acreditou, ou seja, sinergia de propósitos e objetivos que fortalecem, ainda mais, o compromisso da companhia com a sustentabilidade.Com mais de 10 anos de carreira, a dupla consolidou seu sucesso e, hoje, é referência para as novas gerações de artistas em todos os meios. Com seu show apontado como um dos melhores do Brasil, a dupla atrai grande público por onde passa e hoje é uma marca consolidada que reúne mais de 8,1 milhões de seguidores no Facebook e mais de 1,5 milhão de inscritos em seu canal do Youtube, tendo uma média de 753 milhões de visualizações no canal. Com toda essa exposição, o maior retorno da WestRock não é financeiro, mas de relacionamento e de disseminação da sua marca.



A cenografia do lounge, feita exclusivamente para a gravação do DVD a partir de matéria prima da Westrock, o papelão, também foi muito bem aceita pelo público. Levamos para o nosso cliente uma maneira inusitada de utilizar seus materiais e deixamos peças de decoração únicas.