Prêmio Caio

Detalhe do Case

Prêmio Caio 20ª Edição

Case: ChiaroScuro na CCXP 2018

Candidato: JMK Design
Cliente: ChiaroScuro Studios
Segmento: Serviços
Estado:

Sobre a JMK Design
Após 15 anos de experiência no mercado da arquitetura promocional, o empresário Marcelo Soares percebeu que era o momento de dar um passo a mais em sua trajetória profissional. Reunindo criativos diversos, e conhecedores dos cenários administrativo e de eventos, Marcelo idealizou a JMK Design, empresa nascida com o objetivo de inovar o setor, unindo tecnologia e sustentabilidade.
Hoje, a JMK conta com um leque variado de produtos e serviços diferenciados para atender a cadeia de negócios, sendo especializada em estandes, displays, showrooms, lojas e quiosques. Com mais de uma década de história, a empresa está presente em todo o território nacional, dando suporte a grandes marcas - como Philips, Luxcel, Buba, Comtac Kids e Farm -  e está marcando presença nos maiores eventos do Brasil.

Sobre a CCXP
A CCXP (Comic Con Experience) é o maior festival de cultura pop do mundo, sendo a edição brasileira superior à americana, onde se originou. Em 2018, recebeu um total de 262 mil visitantes, no qual 50% correspondem a São Paulo e o restante está distribuído pelos demais 26 estados e o Distrito Federal. Quem passou pelo evento veio preparado para garantir lançamentos de produtos e itens desejados deste universo, o que trouxe a CCXP um ticket médio de compras de R$300. Estavam presentes 103 marcas, que produziram ativações especiais para receber o público. Destas, cinco eram patrocinadoras e oito apoiadoras. De cenografia a ações interativas, a programação contou com simulação da série Casa do Papel, da Netflix; fotos em cenários inspirados nos filmes da Disney/Pixar, como Alladin, Toy Story 4 e Dumbo; vivência de realidade virtual para pouso de helicóptero, promovida pela Globoplay para divulgação do seriado Ilha de Ferro; entre outras. De acordo com a organização do evento, a estimativa é que, somados, o faturamento das marcas chegue a R$ 50 milhões. Ainda em números, a CCXP18 gerou um total de 10 mil empregos, entre diretos e indiretos. Outro número relevante é a movimentação do turismo local, cujo impacto econômico causado foi estimado em R$ 100 milhões. Foram quatro dias de evento, com um total de 41 horas de programação ininterrupta.

Galeria de Fotos

Para a concepção deste estande, a ChiaroScuro Studios nos colocou como critério explorar o slogan da feira que iria participar, a Comic Con Experience (CCXP). Nosso briefing inicial foi exatamente a frase “vai ser épico”, explicando que o espaço deveria ser visual e proporcionar uma experiência marcante. Além disso, o estande também era patrocinado pela Faber Castell, marca de acessórios para escrita e desenho, e, por este motivo, deveria possuir uma área dedicada a este parceiro.

Resumidamente, o espaço tinha como principal finalidade proporcionar experiências. A comercialização de produtos e serviços, mesmo existente, deveria ser implícita. Pela força que a edição brasileira da CCXP possui, que superou nos últimos dois anos o público e a grandiosidade da edição americana (matriz da rede de eventos), o desafio do estande era ser marcante, único e, ao mesmo tempo, cativar o público-expectador.

Era importante também que o espaço conversasse com as atrações que seriam realizadas, como a presença de autores e quadrinistas, que compartilhariam histórias e criariam personagens juntamente com o público.

Com o objetivo de chamar a atenção visualmente, optamos em simular um espaço de fábrica. As pessoas entravam e passavam por uma interação lúdica e visual, além de receberem brindes das empresas envolvidas.  



Complementando a narrativa de proporcionar uma experiência diferente, nós transformamos as paredes do estande em formas de lápis, sumindo com a estética reta e simples, comum nestes espaços. Acompanhando um movimento estético internacional, que acreditamos remeter visualmente aos valores de ambas as empresas envolvidas, optamos por trabalhar com madeira natural, o material cru, além de ser esta uma forma mais sustentável.



Apesar de simular uma fábrica, a proposta foi fazer algo colorido, com contraste de tons. Em todo o espaço houve variações de tonalidades, pisos e formas. Na frente do estande foi desenvolvido um espaço para concursos de desenhos, onde crianças e adultos ajoelharam para provocar sua criatividade. Artistas conhecidos do grande público também estiveram presentes para criar personagens no improviso e comercializar produtos.O estande foi desenvolvido pelo arquiteto Marcio Hum, da própria ChiaroScuro Studios, com desenvolvimento da JMK Design.

Galeria de Fotos

Maior festival de cultura pop do mundo, a CCXP (Comic Con Experience) é tão grandiosa tanto para quem visita quanto para quem expõe. Com seus números cada vez maiores de visitantes, atrações e até ticket médio, as empresas necessitam pensar fora da caixa para chamarem a atenção.

Para a ChiaroScuro, os objetivos projetados quanto à participação na feira foram conquistados com louvor. A marca se manteve em alta durante todos os quatro dias de realização do evento, e seu sucesso era mensurado ao vivo, tanto pelo estande em constante movimentação de gente, como online, pelas interações nas redes sociais, principalmente Instagram e Twitter.

O estande conseguiu proporcionar uma atmosfera completa de integração: entre artistas e público, que ocuparam um espaço linear para interações; entre crianças e adultos, que se sentiram confortáveis em uma estrutura pensada para concursos de desenhos e oficinas, e, principalmente, entre público e marca, cuja interação ao vivo e online trouxe resultados comerciais e de engajamento.